[#104.5]

  • 30 de junho de 2014
  • Categoria: FF .5

Zadiski arpoou o avião e deixou o cabo de aço levá-lo. Sentiu frio nas primeiras centenas de metros. Durante a turbulência o arpão se soltou da fuselagem. Zadiski caiu mas não gritou, congelado.

Anos mais tarde, o gigante Bou pegou uma pedra de gelo marítimo para seu copo de uísque. Descongelados na piscina de álcool amadeirado, Zadiski e o arpão voltaram à vida. Ele escalou o copo e fugiu antes da golada derradeira, acertando o teto da casa e escalando o cabo.

Deitado no telhado, esperou o próximo avião.