berátna :tri :tempo na xilindra

.xilindra de complexo b é maravilho .taí o grude mas pelo menos vem, não tem a preocupa de achar que é fome que vai te acabar e não os presos, sempre tem um pra graduar de moco no meio .aí dias que chumbam semanas que chumbam meses e os migué de súbaru quié bom nadica pra me tirar daqui .apodrecendo gostoso .acordei com a mão direita estranhuda e não sentia os dedos mas mexiam e comecei...

 

berátna :dos :moco é profissa

.é zika perguntar do serviço então ninguém pergunta .+ que é estranho, isso é .tóide forman, o nome do alvo, um tio bacanín inofensivo na fina, que trabalha num lab perto da usina de negromonte .já vão aí uns dias seguindo o malucón, do trabalho pro comedouro pro trabalho pra casa ca família de sete miudín e companheiro .velhote, cabeleira branca, pancinha de complexo b, que de c pra...

 

berátna :uno :lar doce lar

.acordo lambendo os beiços eletriczados na água salina .arranco a máscara e pulo do tanque, tomando uma ducha preta .a roupa cola na pele, resfriando, jumpando a temperatura pra casa dos 30, que é quando os órgãos funfam na fina .na vera eu queria mesmo era noite fresca co vento do mar soprando, quemnumqué, mas isso só nos vídeodomos e pagando caro ainda

.os olhos vão se ajustando à ...

 

« Carregar mais postsPosts mais recentes »